Saúde mental: entenda a sua importância e como manter em dia

Cuidar da saúde mental é tão necessário quanto cuidar do corpo, mas boa parte das pessoas ainda não dá a devida atenção a isso. A boa condição física nos mantém dispostos para agir, mas é a mente que coordena os pensamentos e sentimentos e, por consequência, influencia o comportamento.

Para encontrar o equilíbrio entre as emoções e as atitudes, você deve zelar pelo seu bem-estar mental, e isso pode ser feito por meio de simples ações cotidianas. Quer saber como? Continue a leitura deste post e saiba qual a importância de ter a mente saudável. Veja também algumas dicas essenciais que vão ajudar você a viver com mais qualidade emocional. Confira!

O que significa saúde mental?

Quando se fala em autocuidado, a primeira coisa que nos vem à mente é cuidar do corpo: ter uma alimentação saudável, fazer exercícios físicos, passar por consultas e exames médicos, melhorar a aparência etc. E justamente a saúde mental, que não deveria ficar fora dessa lista, acaba por ser negligenciada.

Mas o que é saúde mental, afinal? A mente abriga nossos pensamentos e emoções. Também é ela que direciona os comportamentos, ou seja, todas as ações, ideias e sentimentos são influenciados pelo estado psicológico.

Olhando por esse lado, percebemos que a mente é a chave do bem-estar. Se a pessoa não estiver mentalmente bem, a sua vida pode ser prejudicada em todos os aspectos: pessoal, social e profissional.

A origem orgânica disso tudo está no funcionamento das diferentes regiões cerebrais. Por outro lado, o fator ambiental também determina o desenvolvimento de uma mente saudável, assim como pode deixar sequelas emocionais. Pessoas que crescem em lares conturbados, por exemplo, expostas a abusos, violência e negligência, fazem parte de um grupo de risco para o surgimento de transtornos.

De forma simplificada, a saúde mental é resultado de como o indivíduo enxerga o mundo à sua volta e de como ele lida com as diferentes situações e conflitos da vida. Ter a mente saudável é elaborar estratégias positivas de enfrentamento, aprender a administrar as próprias emoções e encontrar o equilíbrio diante das exigências externas.

Qual a importância de manter as emoções em equilíbrio?

Preservar a saúde mental não se trata somente de ter ou não problemas psicológicos. São as emoções que ditam a qualidade das nossas atitudes e determinam o modo como nos relacionamos com as outras pessoas. Portanto, toda a nossa vida carrega efeitos do bom ou do mau funcionamento da mente.

Quem conhece a importância da saúde mental e prioriza o cuidado com as emoções consegue viver com muito mais leveza. Veja alguns dos aspectos positivos de manter a mente saudável:

  • mais autoconhecimento;
  • boa qualidade de vida;
  • facilidade para tomar decisões e solucionar conflitos;
  • resiliência e capacidade de enfrentar qualquer dificuldade;
  • tolerância à frustração e não sofrimento desnecessário;
  • bom relacionamento interpessoal;
  • serenidade diante de mudanças e desafios;
  • controle de impulsos;
  • paz e equilíbrio no dia a dia.

Como preservar a mente saudável?

Claro que ninguém tem problemas porque quer! Desordens psicológicas, muitas vezes, são decorrentes de um conjunto de fatores, como disfunções orgânicas e influência do ambiente externo. No entanto, é possível desenvolver formas de viver com mais tranquilidade e alcançar equilíbrio emocional. Aprenda como fazer isso!

Busque o autoconhecimento

Você conhece a si mesmo? Sabe identificar suas forças e fraquezas, sabe interpretar o que sente, conhece seus desejos e a fonte das suas angústias? Parecem questões tão simples de responder, mas poucas pessoas trabalham o autoconhecimento, e ele é um dos pilares da saúde mental.

Então, comece a olhar para dentro de si, pratique a autoanálise reflexiva e observe suas emoções, pensamentos e atitudes. Treine isso todos os dias e você descobrirá quem realmente é.

Desenvolva inteligência emocional

Toda ação é resposta a uma emoção. Se você fica irritado, como reage? E o que faz quando se sente triste? Ter consciência de como a mente se relaciona com o comportamento é fundamental para controlar os sentimentos e corrigir atitudes inadequadas.

Inteligência emocional é a habilidade de reconhecer e administrar as próprias emoções, assim como identificar e compreender o estado emocional do outro. Portanto, trata-se de um ponto que faz forte diferença para a saúde da mente.

Treine sua mente para uma postura mais positiva

Parece clichê, mas alimentar pensamentos positivos é um dos passos para uma vida feliz. O pessimismo tende a atrair cada vez mais negatividade, porque a pessoa passa a projetar seus pensamentos e atitudes nessa direção, já esperando que algo de ruim aconteça.

Por outro lado, o otimismo ajuda a se posicionar com mais energia e proatividade, o que faz com que a pessoa saia de sua zona de conforto e faça as coisas boas acontecerem. Essa atitude positiva é uma forte aliada contra o surgimento de problemas emocionais.

Saiba se comunicar e relacionar-se com as pessoas

A existência humana é essencialmente fundamentada em relações interpessoais. Por mais autossuficiente que alguém queira ser, sempre estará cercado por outras pessoas. Nutrir os relacionamentos de forma positiva é necessário para viver com qualidade.

Portanto, aprenda a conviver em harmonia com todos ao redor. Saiba expressar seus pensamentos e sentimentos de forma acertada. Procure dialogar e respeitar os posicionamentos contrários. Afaste-se de quem não traz boas energias e cultive os vínculos saudáveis.

Aprecie a companhia dos familiares e amigos

Falando em vínculos e relações saudáveis, nada mais importante do que conviver com pessoas que amamos. Afinal, não levaremos nenhum bem material dessa vida, somente as lembranças dos bons momentos que compartilhamos.

Passe o tempo que puder com amigos e familiares saúde mental são esses relacionamentos que edificam a nossa existência e nos dão força para superar as adversidades da vida. O tempo passa rápido demais, e, muitas vezes, não paramos para valorizar o que realmente importa.

Encontre maneiras de relaxar

Por mais atribulada que seja sua rotina, não deixe de reservar algumas horas por semana para fazer algo de que gosta. Encontre meios de relaxar e encontrar paz e tranquilidade. Faça meditação, ioga, caminhadas ou qualquer outra atividade que seja prazerosa e relaxante.

Tire um tempo exclusivo para si, isso também é importante. Ficar sozinho pode ser algo muito positivo. Nesses momentos de individualidade, conseguimos tirar o foco do mundo externo e encontrar nosso eu interior, com suas fragilidades e necessidades não ouvidas na correria do dia a dia.

Cultive hábitos saudáveis

Corpo e mente estão diretamente relacionados. Da mesma forma que o estado emocional influencia nossas ações, o organismo pode afetar o equilíbrio mental. Por isso, durma bem, alimente-se com qualidade, pratique exercícios físicos, enfim, cuide-se por dentro e por fora.

Faça acompanhamento psicológico

Engana-se quem ainda pensa que somente pessoas com transtornos mentais precisam de psicólogo. Todos deveriam se conhecer melhor, entender suas emoções, enfrentar as questões mal resolvidas e descobrir meios de lidar com os conflitos. Um profissional de saúde mental é a pessoa certa para dar a direção de uma vida com mais qualidade emocional.

Resumindo, todos os aspectos da vida carregam reflexos da nossa saúde mental. O modo como encaramos as dificuldades, a forma de nos relacionarmos com as pessoas, o autocuidado geral etc. Então, para viver com plenitude e tirar o máximo de proveito da sua existência, que é muito passageira, priorize sempre o equilíbrio das emoções!

Gostou deste conteúdo? É um assunto que merece atenção, não é mesmo? Compartilhe este post nas suas redes sociais e leve essa reflexão para outras pessoas!

Veja mais

Como comunicar um falecimento para pessoas com problemas de saúde?

Que a vida é efêmera, todos sabemos. Mas a informação sobre o falecimento de alguém tão querido está longe de ser aceitável por muitas pessoas, independentemente da crença. Não queremos nos separar daqueles a quem amamos. Muitas vezes, além de termos de lidar com nosso sofrimento, ainda há a tarefa de comunicar a morte de alguém para uma […]

3 dicas de como lidar com o medo de perder alguém

Dizem que a morte é a única certeza que temos na vida. Mesmo assim, lidar com ela ainda é um tabu para a maioria das pessoas. Muitas sequer aceitam a possibilidade de falar sobre o assunto. O medo de perder alguém, por exemplo, impede que nos preparemos para isso. O resultado é que, quando chega a […]

Fique por dentro do que é o embalsamento e a sua origem

Diferentes técnicas para o tratamento de corpos antes do sepultamento têm origem lá na Antiguidade, principalmente na região do Antigo Egito, de onde viveram os faraós. Um bom exemplo disso é o método conhecido como embalsamento. No entanto, com o surgimento de novos processos, produtos e tecnologias, essa técnica evoluiu e se tornou a tanatopraxia. Ambas foram […]